5 de janeiro de 2014

Chuva da meia noite


Fogos de artifícios,
Queimavam os céus,
E dentro de mim,
Explodiam esperanças,
De dias melhores,
De menos tristezas,
De mais sorrisos,
De mais amor
E menos conflitos.

Na magia da meia noite,
Fui presenteado,
Com a primeira chuva,
De primeiro de janeiro
Que caía no meu corpo,
Em gotas de amor,
Perdidas,
Entre meus pés,
Descalços na grama.

Dancei sozinho,
Aos olhares curiosos
Das estrelas que iluminaram,
O meu quintal.
E no meio dele,
Meus olhos fechados,
Meu corpo molhado,
Relampejava alegria.

Até que cansei,
Descansei a vida,
E de boca aberta,
Bebi o amor dos céus.
Continuei a dançar,
Sozinho com fogos,
E a chuva de meia noite,
Que me banhava,
Para receber o ano
Que ali já começava.

Daniel André
 

27 comentários:

  1. Lindo poeta Daniel !
    Você não esteve sozinho, pois procurou a companhia do Universo.
    Quanta inspiração!
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  2. Olá Dan, meu amigo.

    Feliz ano novo com tudo de bom. Que a tua inspiração se renova em cada dia.
    Naquele momento, quando a chuva caiu do céu não somente água, era Deus que te abençoava.
    Linda poesia.

    Beijos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Que maravilha de poema,Daniel.

    Você é demais com as palavras e o poetar!

    Obrigada por me acompanhar nesse ano que se foi e que continuemos amigos para sempre,meu anjo poeta!

    Um Novo Ano de bênçãos e alegrias!

    Beijinhos e ótimo domingo!

    Vamos ver se recebe meu comentário.

    Dryka

    Tenho face Book (Tem atalho à direita de meu blog)


    Blog Suas Histórias Nossas Histórias


    ResponderExcluir
  4. Uma bela maneira de receber os bons fluidos do ano que se inicia. Adorável tua poesia meu lindo, E aproveito para que uma onde de alegria e coisas boa te bane neste ano novo. Grande beijo de tua amiga libriana, ardente e apaixonada e obg por tua amizade.

    ResponderExcluir
  5. Olá!Bom dia, Daniel
    Feliz 2014 Iluminado e pleno de realizações, paz e luz, para vc e familiares!
    Bela "poética"
    ...a chuva desperta vários sentimentos,e entre eles a melancolia...e a solidão completa o quadro...eis a chuva necessária, para aliviar a alma e refrescar o coração...e dar as boas vindas à um novo ciclo...
    agradeço pelas palavras e visita ao meu blog, muito obrigado, belo início de semana, abraços...

    ResponderExcluir
  6. Fantástico!

    Tenha uma excelente semana


    beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  7. Como é gostoso um banho de chuva...lavar a alma,se livrar da sujeira do espírito...
    Saudade imensa Meu Poeta lindo
    Abraços apertados!

    ResponderExcluir
  8. Bom dia Daniel.. abrir o ano versando é bom demais.. fiz antes e depois tb.. e vc ai com as belezas dos fogos certamente.. bela poesia e um até sempre

    ResponderExcluir
  9. Daniel:

    Um chuva de bençãos em sua vida e que esta poesia tão viva e vibrante cresça mais e mais dentro de você.

    Beijo querido.

    ResponderExcluir
  10. Ola Andre

    Belíssima poesia. A chuva lava a alma e
    nos prepara para receber o solo onde plantaremos
    brotos de esperança.
    Eu é que agradeço sua amizade, ter te conhecido,
    e poder ler suas belas poesias.

    E espero estar junto de voce nesse ano que ja chegou carregado de coisas boas e uma delas é sua amizade;

    Beijos, flores e poesia.

    ResponderExcluir
  11. Chuva que lava a alma e a renova, em esperanças e harmonia com o Universo e os sentimentos que moram dentro de nossos corações!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. A meia noite é um ponto de viragem, um novo ano é um ponto de viragem, e dentro de nós tanta coisa desejamos por vezes que vire. Tentamos que algum fogo de grandes esperanças e vontades deflagre dentro de nós; para mais alegria e mais amor.
    Essa primeira chuva foi como um bálsamo para um corpo que dançou molhado e brilhante, reflectindo alegria e luz. E um corpo deve dançar até cansar essa dança de fogo e de água com os pés bem nus sobre a terra. Você é muito corpo e sensualidade, o que torna a sua poesia muito vibrante.
    Um poema belíssimo, e gostei também muito da imagem; como que em êxtase de libertação.
    Que este ano te traga muita paz e alegria, grande poeta Daniel!
    xx

    ResponderExcluir
  13. Oi Daniel que poema bom.
    Banho de chuva é tudo de bom e nessa ocasião então...
    Que 2014 seja especial para você em todos os sentidos.
    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Que lindo poema para um início de ano.
    Quisera eu ter passado a virada do ano sendo banhada pela chuva, em um quintal, enquanto se ouve o barulho dos foguetes.


    Ótimo 2014 pra você.

    Ana Virgínia
    filhadejose.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Isto é bem mais que um simples banho de chuva Daniel André ! Na realidade você estava emitindo energia juntamente com outros tantas almas que acreditam no poder do amor... em um estado de iluminação ! Felizes os que compartilham destes momentos como uma dádiva ... lindo lindo meu amigo! Abraços Poéticos !

    ResponderExcluir
  16. Foi vc mesmo quem escreveu?
    Parabéns!!

    Eu precisa de um banho de chuva.
    Mas enquanto não faço isso, o chuveiro tem esse papel kkkkk

    kisu
    www.eraoutravez.com

    ResponderExcluir
  17. Bom dia Daniel ,linda poesia ,muito sucesso nesse novo ano ,abraços.
    http://crismandarini.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Dan, que lindo poesia, amei. Desejo-lhe um ano maravilhoso a vc.
    GrANDE BEIJO

    ResponderExcluir
  19. Que lindo, meu amigo poeta!

    Primeira chuva do ano que lava a alma e adoça os corações.
    Que traz esperanças e afasta o medo de trovões.
    Nao foi só pra rimar não rs. É que me lembrei de um fato que me ocorreu na primeira chuva de janeiro(nao na passagem mas numa data qualquer). Se voce ainda não leu te deixo o link:
    http://selosdoblogdalu.blogspot.com.br/2013/08/presente-e-um-pouquinho-sobre-mim.html#comment-form

    Muito bom te ler... Some não!

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  20. Olá, querido Daniel!

    Tudo bem? Deus queira que sim.

    Fiquei sensibilizada com a doçura e sinceridade de teus comentários, lá no meus blogues.

    Você é um menino de ouro, de coração abarrotando de amor e de pureza. Nota dez é muito pouco para você. Então, vamos para a escala portuguesa, que vai de um a vinte, e eu te atribuo, o vinte, mesmo.

    Li seu poema, e quase visualizei a cena, todinha. Que bonito deve ter sido tua dança na chuva!

    O seu escrito está impregnado de sensações positivas, muito zen, que só os espíritos de luz e bem, conseguem transmitir.

    Adorei as descrições, que você nos "mostrou", através de palavras e você conseguiu fazer FOGO dentro de "mim".

    Me conta, por favor! Você bebeu o "amor dos céus", como diz no poema. Que sabor ele tem? É diferente do da terra?

    Te desejo uma excelente semana, com AMOR E "FOGO".

    Beijos da Luz, meus, com muito carinho.

    ResponderExcluir
  21. Oi, Dan!

    Você na poesia não é nada gago, mesmo.

    Se é gago, biologicamente falando, acho o "maior barato", como vocês falam aí, porque os gagos/as são pessoas com uma enorme sensibilidade e cantam muitoooooooooo bem.

    Beijos, querido!

    ResponderExcluir
  22. Não existe nada melhor,para lavar a alma.
    É a primeira chuva de janeiro.
    Nos deixa leve,nos trás uma sensação maravilhosa.
    Linda poesia amigo,amei.
    Boa noite,beijinhos.

    ResponderExcluir
  23. Primeira chuva do ano dizem a lenda que ajuda uma criança falar. Feliz Ano Novo. Lindo poema.

    ResponderExcluir
  24. Boa noite Daniel.. respondendo ao teu comentario.. sofri muito com isso e dou umas dicas.. fazer figa e cruzar braços e pernas se possivel fecha nosso campo de energia.. mande vibração boas a eles.. se mandar o mesmo a coisa só tende a continuar.. assista se puder a magia das influencias- procure no youtube por estes dois videos que são maravilhosos se não achar me peça os links.. banho de sal grosso uma vez ao mes do pescoço para baixo sempre na segunda feira ajuda a lipar tua aura e livrar o negativismo.. linda noite garoto

    ResponderExcluir
  25. Que 2014 seja maravilhoso pra vc Dan! Sucesso sempre!
    Beijão, amigo!

    ResponderExcluir
  26. Querido amigo Dan.

    Já comentei essa sua pérola.Vim agradecer pela visita e dizer que o poema que comentou, é meu sim.

    Bem simples,singelo,sobre o que vai no meu coração.
    Não tenho o dom divino de escrever como você,amigo.
    Mas rabisco algumas coisinhas.

    Beijinhos e ótima semana

    Dryka

    Face Book :

    https://www.facebook.com/adriana.paz.505960



    Blog Suas Histórias Nossas Histórias



    ResponderExcluir