18 de janeiro de 2014

Decoração de interiores

Na escola decoramos,
Tabuada, tabela periódica,
A capital de algum país,
E celebridades históricas.

Decoramos letras de musicas,
Nomes de filmes de sucesso,
Situações desagradáveis,
E o preço de um ingresso.

Decoramos as nossas ruas,
Em todas as datas festivas,
Falsificam alegrias de rostos,
Em risadas intempestivas.

Decoram os seus corpos,
Com silicones importados,
Plastificam uma realidade,
Que impõe o enfeitado.

Decora-se toda a casa,
Com mobília futurista,
Planta-se mais arvores,
Num terreno sem vida.

Decoramos tantas coisas,
Começando pelos verbos,
Embelezamos o mundo,
Menos o que é interno.

Precisamos ver a paz,
Viajar com os sonhadores,
Valorizar o que vem dentro,
E decorar nossos interiores.
  
Daniel André.