28 de abril de 2020

Quebra cabeças


Tenho pedaços de mim espalhados
e dos meus que não conheço
tenho o meu rosto em um lugar
com olhar de coragem e medo.

Tenho pernas perdidas no cansaço
agitadas nas veredas sem fim
com a sola dos pés descalço
sob o manto florido de alecrim.

Tenho braços fortes de labor,
que voaram para o alto do céu
vejo minha vida quebra cabeças
sendo maquiada com um pincel.

Tenho um coração passadista
que criou raízes, brotando versos
e minhas mãos desesperadas
para juntar tudo o que foi disperso.


Daniel André

27 de março de 2020

Vírus


Um vírus proibiu os afetos
foi coroado, dominou o mundo
agora toda distância é pequena
oponente, se multiplica em segundos.

Não escolhe cor, idade
país ou classe social
o isolamento ainda é o antídoto
para preservar a energia vital

Colocaram-me de quarentena
e da janela só vejo ruas vazias
minha imunidade fica baixa
à espera de boas notícias.

A luta vem do próprio corpo
dos glóbulos brancos e as hemácias
o bom senso e diplomacia
não se encontram em farmácias.

De uma coisa tenho certeza:
dias de solitude, são de reflexão!
A humanidade precisa acordar
com os olhos da compaixão.

Quando esse vírus for erradicado
e todo planeta mostrar resiliência
irei abraçar com todo amor
a vida, a saúde, e a ciência.


Daniel André

26 de janeiro de 2020

Passional



Receba a nudez do meu relicário
e cubra com teus braços, e uma flor
guarde no íntimo do seu sacrário
a pura essência do meu amor.

Permita que meu desejo mergulhe
na sua intimidade ainda submersa
não pretendo ficar só na areia
homem quando ama, tem pressa.

Quero aquele beijo milenar
com perfume de terra florida
e o gosto da brisa do mar
encontrado na saudade dessa vida.

E declarada a necessidade de ti
com suas faces cortinadas de mistério
guardo o bouquet de Muguet du bois
e o teu amor, é mesmo sério ?

Daniel André.

15 de outubro de 2019

Sou Sol


Sou,
a casa que abriga e abraça
o tangível calor da paixão
o extrato mais doce do néctar
as borboletas na barriga
sou coração.

Sou,
a melanina da soul music
a fotossíntese clorofilada
a mistura de todas as estações
sou o sorriso
sou alma.

Sou,
o caminho do meio
a luz que conduz ao farol
a paz que habita no peito
sou tantas coisas
Sou Sol.

Daniel André.


Para completar a energia do Sol, essa linda música do Jota Quest. Abraços fraternos para cada um de vocês. 

1 de outubro de 2019

Noites


Minhas noites são um mosaico
de cores sentidas e fragmentadas
brisas de outono me carregam
para o colo da lua prateada.

Lá moram as histórias de amor,
as inspirações dos apaixonados,
a avulsa troca do humor
e a essência do imaculado.

Morcegos dançam nas árvores
a proibida liberdade dos amantes
na solitude das estrelas
sou o ponto mais brilhante.

Minhas noites tão serenas
com a lua cheia de emoção
busca o sossego de um romance
que toque o meu coração.

Daniel André

17 de abril de 2019

O peixe estranho


Voa o peixinho dourado
inconformado, não se limita
a luz do espírito e mente
expande toda a sua vida.

Busca o oxigênio,
o silêncio e a sabedoria,
sabe que em águas turvas
a mudança se inicia.

Desvia de alguns anzóis,
da falsa terra prometida
abraça o céu e o mar
e a cabeça, erguida.

As barbatanas voam livres
no sorriso do arco íris infindo
exilado de seu aquário
ganha um mundo lindo.

E teus cegos irmãos,
presos numa rede covarde
aceitam as migalhas
para alimentar a credulidade.


Daniel André.

🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠🐠
Jim Croce como sempre, me inspirando bastante. Desejo dias de grande felicidade, luz e sabedoria para todos vocês. Abraço forte !

2 de abril de 2019

Lobo do mar


Navego em ventos floridos
embriago-me de poesias em cânticos
se estou alegre, ou ferido
sempre serei romântico.

Não me importa se outros mares
foram calmarias ou tempestades
a vida só faz sentido
quando se ama de verdade.

A vastidão de longos oceanos
distantes horizontes além-mar
profundos sonhos me levam
com brio a velejar.

Posso perder a direção do leme,
a deidade de um tritão
o desejo é ser acolhido
em um seguro coração.

Daniel André.



💛💛💛💛💛💛💛💛💛💛💛💛💛