5 de junho de 2012

Enquanto dorme.


És a antologia romântica
dos lindos noturnos versos
quero te envolver nos sonhos
e ser o teu universo.

Cochila de bruço na cama
um convite a te abraçar
observo teus sorrisos
e canto para te ninar.

Namoro seu relevo
dorme e me encanto
a gota do nosso recanto.

Beijo a sua testa
abraços emocionados e fortes
minha estrela da sorte.

Daniel André

3 comentários:

  1. Oii meu anjo.... gostei mt desse poema, continua assim sempre talentoso.... vc merece tudo de bom e mais um pouco....sucesso em sua vida... bjs da nina mais gata da 1001... te adoroooo jhenizinha

    ResponderExcluir
  2. Tem poesia em ver o ser amado dormir, passei por isso muitas vezes. Ao acordar via ele a sorri pra mim ou me beijar. Isso era mágico e estranho ao mesmo tempo.
    Este poema me fez recordar bons momentos.

    ResponderExcluir
  3. Há! Palavras refletem minha mente e aquecem meu coração 💜, principalmente quando são lindas,nos faz esquecer tudo que nos afligem no dia a dia,neutralizando o negativo. Tudo de bom pra ti, meu querido,positividadade... Abração 😉 bjao👍👊

    ResponderExcluir