2 de maio de 2013

Meu amor é sério



O meu amor se destaca nas futilidades

Nesse mundo onde o ridículo é aplaudido

De emoção eu choro feito tempestade

Porque ele é sério, mas para mim é lindo



Olhando-me rompe a minha defesa

Faz uma análise intima de meu cotidiano

Se estou afastado da realidade me busca

Com uma corda me puxa para o plano.



Meu amor não é de sorrir para todos

Mas nessa hora eu sou bem exclusivo

É como encontrar o bem mais valioso da terra

Fico por instantes bem inofensivo



A paciência do meu amor é diferente

Da sua sisudez mostra nobre educação

Com finos tratos, musica refinada e eu admirado

Levanto bem rápido saindo da redenção

5 comentários:

  1. Gostei muito!
    Falar de amor e de sentimentos é sempre tào dificil pra mim, e tão intenso ao mesmo tempo!
    Parabens pelas poesias!
    Parabens pelas escritas e pela alma!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Olá amigo! Estou aqui para retribuir a visita que você fez ao meu blog: http://minhaspoesias123.blogspot.com.br/ . Em relação ao seu comentário eu tenho a mesma visão que você, mas acredito que o tempo mude esta imagem que a sociedade tem com relação a homens escrevendo poesias ou poemas. Mas o maior preconceito está nas pessoas tidas como leigas que não entendem que o tempo e nem sua historicidade. Desde já agradeço.

    Seguindo o seu blog.

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de lhe apresentar dois afiliados no qual eu participo, estou começando a ganhar dinheiro com o meu blog, pouco, mas o pouco com o tempo pode se tornar maior, dá uma olhada, monetiza o seu blog, você só tem a ganhar.
    Links:
    http://ads.egrana.com.br/indica/5537
    http://spider.ad/site/sign_partners/affiliate/5979

    ResponderExcluir
  4. Meu amor também é muito sério, alguns dizem que sou falsa santa. Mas como sou falsa se nem santa sou.
    Na verdade trocam desejo por amor e quem não embarca nessa tendência incomoda.

    ResponderExcluir
  5. Maravilhoso,
    Lindo demais, tocou meu coração!

    ResponderExcluir