11 de abril de 2012

Constelações


É noite. Deitado na grama
e leve como a pena de fênix
que se perde, nas partículas
cintilantes tricotadas no céu.

Cada conjunto de luz
simbolizado por um mito
será que nas estrelas,
consigo saber meu destino?

Faço parte desse jogo astral
num tabuleiro azul escuro
a anos luz da via láctea
sou a Siriús no futuro.


Daniel André

3 comentários:

  1. ................Elas me disseram que de mim sai um lobo solitário
    Que não se deixa cair em futuras ciladas.



    a vida, ah, a vida !!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No fundo, todos tem um lobo solitário dentro de si. Vlw So-solange ! Bjs

      Excluir
  2. Que lindo Dan!Bjos.
    Eva

    ResponderExcluir